O que é uma casa funcional?

casa funcional

O conceito de casa funcional vem crescendo ao longo dos últimos anos e busca, assim como boa parte das atividades nos dias atuais, maneiras mais rápidas e práticas de facilitar o dia a dia de todas as pessoas.

A conquista da casa própria é o sonho de muitas pessoas ao redor do mundo. Seja comprando ou construindo uma, a busca por uma estabilidade e o não compromisso de pagar aluguel todo mês é um objetivo que conforta o ânimo de muitos.

Seja no momento de instalação de fechadura ou na hora de mobiliar, quando construídas, muitos preferem investir em uma decoração vasta e deixar o lar da forma mais aconchegante e bonita possível, de acordo com seus gostos e vontades.

Porém, nem sempre o que uma pessoa quer é o mais adequado, pelo menos quando estamos falando sobre o conceito de casa funcional, onde o que mais importa é a praticidade e utilidade dos objetos dispostos em cada ambiente.

Ao longo deste artigo, iremos entender um pouco melhor o que é uma casa funcional, seus benefícios e como aplicar o conceito em seu lar. Então, sem mais delongas, vamos nessa!

Conceito de casa funcional

A ideia principal da casa funciona é que tudo existe e está em seu lugar por algum motivo, desde a televisão da sala de estar até a montagem de quadro elétrico residencial.

É comum que esse termo seja constantemente confundido com residências autossustentáveis ou algo que envolva o assunto. Mas bem longe disso, o objetivo da casa funcional é ser prática e facilitar a rotina dos moradores.

Decoração e estilo são sim, muito importantes, e aplicar esse conceito funcional não significa que terá de abrir mão de tudo o que gosta e tornar o lugar simples ou genérico demais, mas facilitar o seu dia a dia, inclusive com as tarefas diárias.

Pense que uma casa funcional deve ser prática e os moradores devem ter fácil acesso aos utensílios mais usados. Se você compra muitos suprimentos, por que não deixar a sacola supermercado próxima à porta de entrada?

Embora pareça algo óbvio, é impressionante o tempo que desperdiçamos ao não aplicar esse conceito. Quando estamos com pressa, esse tipo de organização pode nos ajudar, como colocar as chaves ou bolsa em uma mesa próxima a entrada.

Para se montar uma casa funcional, tenha em mente as seguintes orientações:

  • Praticidade é a chave;
  • Economia de tempo e espaço;
  • Se não é extremamente útil, não use;
  • Não tenha medo de mudar as coisas.

Outro ponto importante a ser destacado é a facilidade de se limpar uma casa funcional, visto que os móveis pesados e difíceis de serem movidos ou arrastados serão menos utilizados, ou ainda, melhor posicionados nos cômodos.

Por exemplo, uma mesa no centro da sala de estar pode ser utilizada para diversas atividades, buscando a praticidade. Ao mesmo tempo que se pode usá-la para fazer refeições, a mesa pode ser utilizada para estudos e jogos de lazer entre a família.

Montando a sua casa funcional

De certa forma, todos os objetos de sua casa ou são úteis ou realmente são bonitos e atraentes para você. O segredo aqui é fazer uma adequação de cada um deles de acordo com seu ambiente diário.

Encontre uma forma de tornar tudo prático, seja o ventilador que fica na sala ou seu sistema de automação residencial som. Se o ventilador é útil, coloque-o em um lugar que não vá atrapalhar a sua movimentação pela casa, por exemplo.

Lembre-se também que a casa funcional muda dependendo de quem e de quantas pessoas moram nela. A casa será bem diferente se o seu proprietário for um solteiro ou uma família de cinco pessoas, então tenha isso em mente.

Primeiro passo: entenda a sua rotina

É de extrema importância que saiba da sua rotina diária, como os horários que sai e volta do trabalho, o momento de buscar as crianças na escola, os momentos das refeições, etc. Isso te ajudará imensamente na hora de planejar sua casa funcional.

Escreva a rotina e defina seus horários. Mesmo que seu trabalho seja home office ou em um buffet de churrasco a domicilio, saber de seus horários te ajudará a deixar tudo organizado baseado na sua rotina.

Por exemplo, se você trabalha em casa como professor particular lecionando aulas online, é interessante ter uma mesa onde deixar seus acessórios além dos livros mais utilizados, pastas e atividades dos alunos de forma prática.

Se você tem filhos e todos os dias eles fazem as lições de casa às 15h, reserve um local com os materiais escolares deles, que podem estar juntos aos materiais de desenho (normalmente crianças gostam de desenhar, portanto, una o útil ao agradável).

Uma dica é escrever em um caderno ou bloco de notas a sua rotina semanal, o que normalmente faz e quanto tempo leva em média para terminar cada tarefa. No começo pode parecer bobo, mas pode te ajudar a otimizar o seu tempo.

Segundo passo: pense onde ficarão os móveis

As reformas de casas não serão necessárias se seus móveis não puderem ficar no melhor lugar possível. Pense inicialmente nos cômodos da casa mais movimentados e o que os moradores mais fazem nele.

Ou, então, nas atividades mais realizadas pelos moradores, adequando assim os móveis e objetos para a necessidade dos usuários, novamente buscando sempre a praticidade e a otimização de tempo.

Por exemplo, se todos da casa gostam de comer determinado biscoito. Compre e sempre as deixe sobre o balcão da cozinha, dessa forma, todos podem que passarem por lá podem pegar algumas de forma rápida e sem tomar muito tempo.

Oi ainda, sobre a mesa de centro na sala de estar, caso prefiram comer enquanto conversam e assistem televisão. Use da criatividade a seu favor.

Terceiro passo: utilize móveis multifuncionais

Seja a mesa encostada na divisória de ambiente de gesso ou em prateleiras sobre a televisão da sala, um ótimo método de organizar o espaço e otimizar tempo em sua casa é utilizar móveis com mais de uma função.

Aqui é o momento onde sua decoração pode brilhar, já que o móvel além de ser útil e ter aspectos funcionais para o ambiente, também poderá ser personalizado com a sua decoração, dando ao seu lar uma aparência e estilo mais pessoal.

Mesas e prateleiras são grandes aliadas nesse quesito, por otimizarem o espaço e ajudar na quantidade de objetos que se pode ter em um determinado lugar, ideal se você utiliza muitos ou se não tem tanto espaço disponível.

Caso tenha condições, procure por um cartão de visita arquiteto e marque uma consultoria para que ele possa dar dicas e orientações de como melhorar o ambiente. Nada como a ajuda de um profissional.

Outra dica valiosíssima é tentar se manter distante de objetos grandes e pesados. Além de ocuparem muito espaço, são difíceis de serem arrastados e dificultam a limpeza da casa funcional.

Sofás muito grandes ou feitos de materiais pesados são um empecilho, assim como o guarda-roupas. Esse último, com o tempo, fica cada vez mais frágil, trazendo problemas maiores do que somente a limpeza. 

Considerações finais

No decorrer desse artigo, entendemos a importância de se ter uma casa funcional, assim como algumas adaptações que podem ser feitas para aplicá-las ao seu dia a dia para maior aconchego de seu lar.

Caso ainda tenha dúvidas, pense no tempo em que você economizaria se todo dia não tivesse que procurar pelos seus livros ou documentos que estão espalhados pela casa.

Imagine o tempo que você poderia economizar e passar com sua família e amigos caso simplesmente demorasse menos tempo limpando a casa ou colocando seus artigos em ordem, uma vez que já sabe onde tudo deve ficar.

Essa é a maior vantagem da casa funcional, algo que imediatamente pode não parecer totalmente benéfico, porém, ao longo do tempo, vale totalmente a pena.

As decorações podem ser imbuídas junto do nosso visual e a sua criatividade deve falar mais alto e decidir o quão funcional e estiloso irá ficar o seu espaço. Utilize do que já tem e crie algo que seja útil.

Como, por exemplo, pegar um simples copo de vidro de tamanho médio e enchê-lo de laranjas. Caso os moradores do local gostem de consumí-las, eles vão até a cozinha e já tiram uma do copo, economizando o espaço de uma fruteira.

Lógico, é apenas uma ideia, mas quem vai ditar o quão funcional será a sua casa depende apenas de você.

Esperamos que esse conteúdo tenha te ajudado a entender um pouco mais sobre como aplicar o conceito de casa funcional para começar a deixar o seu lar o mais prático possível. Por fim, seja criativo!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el