¡Únete!

¡Inscríbete gratis y recibe las mejores ofertas a través de "Territorio Ahorro"!

¡Suscríbete!

Dicas para montar um quarto infantil

quarto infantil

Montar um quarto infantil não é uma tarefa complexa, podendo inclusive ser prazerosa, desde que você saiba o que está fazendo e o tipo de ambiente que pretende criar para a criança.

Afinal, para elas, o quarto é um ambiente mágico, uma vez que passam boa parte do tempo dentro dele quando estão em casa. É o local perfeito para dormir, ler, estudar, jogar videogame, ouvir música e brincar.

As atividades vão mudando com o passar do tempo, por isso o quarto precisa ser adaptado para atender às necessidades da criança. Manter um quarto de bebê para uma criança que já tem mais de 2 anos e frequenta a escola não tem sentido.

Essas adaptações não precisam ser muito complexas, mas precisam acompanhar o desenvolvimento infantil para colaborar com o crescimento dos filhos.

Existem várias estratégias que os pais podem utilizar para que o ambiente seja aconchegante e funcional ao mesmo tempo, pois os pequenos também precisam de praticidade no dia a dia.

O quarto deve ser o lugar perfeito para dormir e para facilitar as atividades do cotidiano. Por isso, neste artigo, vamos mostrar a importância da funcionalidade nesse ambiente e dar algumas dicas para montá-lo.

Importância de um quarto infantil funcional

Um quarto infantil precisa ser funcional tanto para a criança quanto para os pais ou qualquer outra pessoa que faça a limpeza do local. Um ambiente muito pequeno ou cheio de coisas colabora com a bagunça e objetos espalhados.

Esse espaço precisa mostrar para a criança que ela vive em um ambiente agradável, sossegado e organizado, inclusive quando ainda não está em idade escolar.

Caso seja uma suíte, é interessante um box vidro fumê temperado para garantir a segurança dos pequenos. Se tiver um ambiente de estudos, mesmo para aqueles que ainda não estão na escola, podem aproveitar para desenhar e soltar a imaginação.

O quarto ainda deve contar com alguns elementos fundamentais para criar o ambiente perfeito para o aprendizado e descoberta, como:

  • Cama;
  • Escrivaninha;
  • Cadeira confortável;
  • Boa iluminação;
  • Armários;
  • Prateleiras;
  • Gavetas.

O quarto também precisa estar preparado para receber os amigos das crianças, afinal, com o passar do tempo, elas vão querer trazer os colegas de escola ou primos para passar um final de semana ou até as férias.

Aliás, essa facilidade também é importante para os pais quando for necessário dormir perto da criança por conta de uma gripe ou outras condições de saúde.

Um quarto funcional ainda é capaz de manter tudo organizado, e alguns itens podem ajudar nesse processo, como as caixas organizadoras, que podem ser usadas para guardar diversos tipos de objetos, como os brinquedos.

A higiene também faz parte, portanto, os pais precisam providenciar limpeza de tapete peludo, colchões, cortinas, poltronas, cadeiras e outros itens que costumam acumular poeira e ácaro.

É muito difícil para quem usa o cômodo conviver com a sujeira e a bagunça, e um quarto funcional evita esse tipo de problema.

As gavetas também colaboram muito com a organização, e o ideal é separar os objetos por ordem de necessidade. Por exemplo, aqueles que são mais utilizados devem ficar nas partes mais baixas, enquanto os outros ficam localizados em espaços mais altos.

As gavetas precisam estar sempre organizadas, pois isso ajuda na hora da criança decidir o que vai vestir e o modo como deve organizar suas próprias coisas.

Não podemos falar de quarto funcional sem mencionar os móveis planejados, principalmente se o cômodo for muito pequeno.

Esse tipo de mobília aproveita bem cada canto da acomodação, de modo que tudo fique organizado e atenda às necessidades da criança e dos pais.

É possível encontrar diferentes cores, formas e texturas com o melhor do design e da funcionalidade. Além de criar um ambiente mais bonito, também fica muito mais prático e aconchegante.

Outro ponto importante é instalar tela para sacada para proteger os pequenos 24 horas por dia, considerando que os pequenos são imprevisíveis e a curiosidade pode levar a fatalidades.

Por fim, para não errar na composição do quarto infantil, o ideal é pesquisar muito, e caso a criança já tenha idade, você pode convidá-la para participar do planejamento. É uma forma de personalizar o cômodo e organizá-lo da maneira como ela preferir.

Como organizar um quarto infantil perfeito?

Montar um quarto infantil é uma missão muito especial para os pais, principalmente quando os filhos podem participar do processo, de modo que ele fique mais funcional, aconchegante e personalizado.

O primeiro passo é estabelecer algumas prioridades, afinal, não dá para fazer tudo. O ideal é investir em peças que podem ser usadas por muito tempo e que acompanhem o crescimento da criança, e algumas dicas para isso são:

1 - Considerar o tamanho do ambiente

Antes de comprar qualquer móvel ou até mesmo instalar piso vinílico antiderrapante, é fundamental verificar o tamanho disponível. Isso ajuda a encontrar as mobílias adequadas para o ambiente.

Se o quarto for muito pequeno, prefiro a móveis planejados com bicama, caso o ambiente seja dividido por irmãos.

Se os móveis planejados não estiverem dentro do seu orçamento, pode optar pela mobília modulada sem problemas, só não se esqueça de considerar as medidas do ambiente. Isso garante um espaço completo e fácil de adaptar.

2 - Escolher cores adequadas

Quando se trata de quarto infantil, as cores precisam ser alegres, lúdicas e divertidas, pois elas influenciam nos sentimentos e no humor da criança.

Para não errar na combinação, prefira uma base neutra com detalhes coloridos em diferentes itens, como almofadas, nichos, pufes ou uma parede colorida que se destaque no ambiente.

Para o quarto dos meninos, o mais comum é usar o azul, enquanto no quarto feminino, o rosa costuma estar mais presente, mas não se apegue a essas imposições.

Tons como amarelo, vermelho, branco, laranja e marrom podem ser usados em qualquer situação, principalmente se o ambiente for dividido entre um menino e uma menina.

Você pode usar uma persiana romana linho branca e convidar as crianças para escolherem as cores que mais gostam para outros pontos, como as paredes, tapete, mobília, e assim por diante.

3 - Cuidar da iluminação

Seja no quarto infantil quanto de qualquer outro cômodo, um dos pontos mais essenciais da decoração é a iluminação, mas no quarto das crianças ela tem um papel ainda mais importante, principalmente durante a noite.

A iluminação central é imprescindível para garantir a funcionalidade do espaço, mas além dela, é fundamental investir em pontos estratégicos, como spots de led em sancas de gesso ou luminárias.

Muitas crianças gostam de uma iluminação leve na hora de dormir, seja por medo do escuro ou simplesmente para se sentirem mais confortáveis.

Assim, uma empresa especializada em iluminação para paisagismo jardim de inverno pode ajudar nesse projeto, mas independentemente do tipo de iluminação artificial, não se esqueça de valorizar a iluminação natural.

O quarto infantil precisa receber muita luz do sol durante o dia, não apenas para cuidar do ambiente, mas também para garantir a saúde das crianças.

Lembre-se de que elas vão passar muito tempo dentro do quarto durante o dia quando estiverem em casa, e por esse motivo, ele precisa ser claro para que possam aproveitar.

4 - Garantir boa ventilação

O quarto infantil precisa ser bem ventilado, tanto durante o dia quanto durante a noite. Nunca coloque móveis e outros elementos na frente da janela, uma vez que isso pode impedir a circulação do ar.

Nos espaços comerciais, é muito comum vermos moveis planejados para loja de roupas para garantir um ambiente bem ventilado, e a mesma situação se aplica aos quartos infantis.

Outros itens também são muito importantes, como o ventilador ou ar-condicionado. Durante os dias mais quentes, eles vão ajudar a climatizar o ambiente e permitir que a criança durma melhor.

5 - Estar atento à limpeza

Prefira espaços bem aproveitados para evitar o acúmulo de móveis e objetos que possam juntar muita poeira. Os espaços pequenos costumam fazer isso, por isso muita atenção com a higiene do quarto infantil.

Além de retirar a poeira dos móveis e limpar o chão, outros cuidados são importantes também, como uma boa limpeza de colchão box, que não deixa acumular ácaros e outras impurezas.

6 - Aproveitar espaços disponíveis nas paredes

Aproveite as paredes do espaço com prateleiras e nichos, que além de ajudarem a organizar objetos como livros e brinquedos, também deixam o espaço muito mais bonito.

Para enriquecer ainda mais a decoração e deixar o quarto com a carinha dos filhos, escolha alguns quadrinhos junto com eles para usar de decoração na parede.

Considerações finais

Saber decorar um quarto infantil é muito importante para que ele seja prático e funcional, valorizando o aprendizado da criança e seu desenvolvimento.

Ao seguir nossas dicas, o quarto certamente vai ficar com a cara dos pequenos e eles vão se sentir muito felizes nesse novo ambiente.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el