¡Únete!

¡Inscríbete gratis y recibe las mejores ofertas a través de "Territorio Ahorro"!

¡Suscríbete!

Como montar um banheiro compacto?

banheiro compacto

banheiro compacto é uma das áreas que mais ganharam destaque nas últimas décadas, anteriormente relegado ao esquecimento dos cômodos privativos, hoje é uma estrela nos projetos. 

Um banheiro compacto é aquele que conta com dimensões pequenas, muitas vezes dotado de formatos que dificultam o aproveitamento de seu espaço interno. 

Por isso, é importante aplicar alguns métodos de otimização do que será posto no banheiro. 

É importante considerar que os banheiros são compostos por um conjunto de funcionalidades básicas, de onde podem partir outras ferramentas adicionais. 

Por isso, qualquer banheiro deve conter: 

  • Um vaso sanitário; 
  • Uma cuba ou pia; 
  • Uma bancada; 
  • Armários ou prateleiras; 
  • Cestos de roupa e descarte de lixo. 

Os banheiros podem ser lavabos, geralmente posicionados próximos à sala, chamados de “banheiros sociais” ou suítes, compostas por locais de banho como duchas, e em alguns casos, banheiras. 

Neste artigo, conheça algumas dicas importantes para a montagem de um banheiro funcional, seja ele de qualquer tipo e em qualquer região da casa, privilegiando o conforto e a economia de recursos. 

Considere o formato do banheiro 

Os banheiros geralmente são encaixados nas regiões de “sobra” da casa, ou seja, no espaço que restou após o desenho de quartos, sala, cozinha e outras áreas de convivência. Por essa razão, é um cômodo que pode assumir formatos diversos. 

A forma geométrica que o banheiro adquire vai modificar profundamente a maneira como serão instalados os pisos, o revestimento das paredes, a instalação do box e vaso sanitário, assim como os serviços elétricos em geral no cômodo. 

Banheiros quadrados oferecem maiores opções de customização que suas versões retangulares e outros modelos irregulares, como o box de duas pontas. 

Essa análise é separada da área total do cômodo, sendo este último dado dependente do primeiro.

Inclua os armários no projeto arquitetônico 

A escolha de armários muitas vezes pode ser vista como uma incumbência da decoração e não uma parte do acabamento, sendo deixada para depois que boa parte do banheiro esteja pronta. 

Esse é um erro comum e prejudicial para o espaço interno. Os armários são de extrema utilidade para um banheiro compacto. 

Pelo pouco espaço disponível, projetos desse tipo devem aproveitar ao máximo as condições dispostas, usando as paredes do lavabo para armazenar itens de higiene pessoal e limpeza. 

A organização de armários também pode otimizar o posicionamento da lixeira, evitando que o banheiro ganhe um aspecto desleixado com o uso. 

Alguns projetos de marcenaria contam com lixeiras e cestos de roupa suja embutidos com rótulo personalizado

Use espelhos para expandir o ambiente 

Os espelhos são armas poderosas para criar a sensação de que um ambiente é maior que seu tamanho real. 

A capacidade de refletir o espaço constrói uma aconchegante sensação de amplitude que quebra o efeito claustrofóbico de um banheiro pequeno. 

Especialmente em projetos onde as janelas são pequenas e por isso, há pouca visualização do meio externo, os espelhos são uma importante contribuição para o bem-estar desses locais. Invista em versões sem bordas para integrá-lo mais facilmente ao design.

Priorize vidros transparentes para o box 

Ao contratar uma vidraçaria especializada, o dono do projeto será exposto a uma série de opções de acabamento para os vidros do box em cores, texturas e estampas, sendo um dos mais famosos o fumê, isto é, o vidro escuro. 

Em banheiros compactos, o vidro claro, sem estampas ou acabamentos adicionais, é o mais indicado para criar a sensação de amplitude necessária para o conforto visual. 

Considere que a presença de elementos em alumínio também impactam o resultado. 

Soluções de baixo custo contam com uma participação mínima de metais na estrutura, presentes apenas para fechos ou sustentação das portas de vidro. 

Além da economia, esse produto garante a visualização completa de todo o banheiro, incluindo a área da ducha. 

Escolha contrastes que criem amplitude 

A combinação de cores pode transformar a maneira como o olho humano enxerga um cômodo. 

Os principais pontos a serem considerados na escolha de uma tonalidade única ou na mistura entre várias são a temperatura e a claridade. 

É preciso considerar que as versões de um piso de mármore preto podem interferir na iluminação e na temperatura do espaço, devido a sua capacidade variável de absorver e conservar calor. 

Cores claras cobrindo todo o espaço criam uma sensação de amplitude completa, sendo o branco muito utilizado em projetos de banheiros compactos ou espaços minimalistas.

A inserção de cores mais escuras na parede mais oposta à entrada do cômodo, estendendo-se sobre o teto, alarga o ambiente, sendo a melhor solução quando o proprietário deseja acrescentar cor na região do box.

Capriche na iluminação 

Uma iluminação apartamento bem planejada pode transformar o aspecto de qualquer cômodo. 

O banheiro, bem como outras áreas molhadas, exige um projeto efetivo, que permita a visualização completa de todos os ambientes.

Ao contar com um projeto de iluminação efetivo, considere lâmpadas nas paredes ou luminárias delicadas na bancada do banheiro, a fim de fornecer um apoio para a típica iluminação no teto. 

O efeito gerado pelas luzes artificiais pode potencializar a sensação de amplitude estabelecida por uma pintura correta, enquanto a luz natural segue como a melhor opção para o dia. Invista, se puder, em tetos transparentes em algumas áreas.

Escolha cubas e vasos compatíveis 

As cubas são pias fabricadas para o banheiro, geralmente feitas em porcelana, porcelanato, mármore, granito ou inox, a depender da preferência do cliente. 

Seu tamanho, formato e estrutura anexa deve ser pensada para otimizar a ocupação da parede. 

Os vasos sanitários estão também presentes em múltiplas versões e formatos diferentes no mercado. 

São comercializados no estilo tradicional, moderno, em muitas cores e com tampas de porcelana, PVC, borracha ou metal.

As cubas de pias podem ser quadradas, redondas, embutidas na bancada, recuadas ou sobrepostas, estas últimas muito comuns em lavabos. 

Alguns projetos podem também incluir banheiras no mesmo espaço do box, junto ao chuveiro. 

Em cômodos compactos, é recomendado consultar um serviço de manutenção de banheira em busca de tamanhos personalizados, que se adequem às necessidades e dimensões do local onde será instalada.

As vantagens de um banheiro pequeno 

Um banheiro de pequenas dimensões é a realidade da maior parte das pessoas. Diante de uma tendência de redução do espaço interno em residências domésticas, bem mais visível em grandes conglomerados urbanos, os banheiros compactos serão mais comuns.

É possível produzir conforto, segurança e boa usabilidade em banheiros pequenos, dotados de algumas vantagens que os tornam atrativos, como:

Praticidade na limpeza 

É mais fácil limpar um ambiente menor, no caso dos banheiros, o tipo de limpeza exercida envolve a desinfecção de superfícies, uma vez que esse cômodo lida com resíduos biológicos de todo tipo.

Seja na limpeza simples, realizada diariamente pelo morador, ou na contratação de uma faxineira terceirizada, os banheiros pequenos representam uma economia de tempo e dinheiro, posto que além dos valores de serviços, há uma redução no consumo de produtos.

Um banheiro menor acumula uma quantidade reduzida de sujeiras sólidas e seu estímulo a uma limpeza mais frequente inibe o desenvolvimento de colônias de fungos ou bactérias, tornando o ambiente mais agradável no longo prazo. 

Alta funcionalidade 

Os banheiros compactos são mais funcionais que banheiros maiores, isso pode ser afirmado por causa de sua capacidade de manter as mesmas ferramentas básicas, em um espaço menor e com custos de produção e manutenção menores. 

Isso justifica porque que em projetos de grande porte, os banheiros pequenos ainda são uma preferência. 

O aspecto compacto permite sua instalação em pontos estratégicos da residência, abrindo espaço para o posicionamento de suítes, por exemplo. 

Na manutenção periódica, contatar uma lavagem de tapetes residenciais é mais simples diante dos banheiros compactos, que exigem um barateamento na decoração. 

Nos lavabos, que são zonas mais sociais, a ausência de chuveiros otimiza mais o espaço. 

Otimização de espaços 

Como descrito nos demais pontos de um banheiro compacto, a otimização de espaços é o que separa o banheiro pequeno dos demais projetos, sendo este fator a raiz das demais vantagens, manifestas já desde o início das obras de construção. 

Banheiros menores exigem um gasto menor já com peças como pisos, tinturas e outros elementos, como a própria estrutura de box e chuveiro. 

Seu tamanho permite a padronização de apartamentos e unidades, aspecto vital para o mercado imobiliário.

Considerações finais

Portanto, montar um banheiro compacto pode ser uma tarefa muito mais simples e tranquila quando alguns fatores importantes são observados, de antemão, pelo proprietário da residência e solicitante da obra de reforma. 

Com observações válidas para casas e apartamentos, os cuidados na hora de aproveitar o espaço reduzido dos banheiros compactos deve seguir o cliente e os profissionais responsáveis, seja na projeção do cômodo até nos detalhes de seu acabamento. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el