¡Únete!

¡Inscríbete gratis y recibe las mejores ofertas a través de "Territorio Ahorro"!

¡Suscríbete!

Descubra como deixar sua casa mais aconchegante!

casas

Um dos segmentos que mais crescem no Brasil é o de casa e construção, que pode envolver desde erguer um cômodo a mais na casa, até a simples troca do conjunto de cama, mesa e banho, apenas para deixar o espaço mais bonito e confortável.

Inclusive, já nem se trata de uma mera opinião, pois há pesquisas que revelam que esse setor é um dos poucos que evoluem mesmo em tempos de crise. 

Os dados mais recentes são da FGV IBRE – Instituto Brasileiro de Economia, uma autoridade em sua área.

O que a pesquisa constatou foi que o segmento de casa e construção cresceu mesmo em meio à recessão e às crises dos últimos anos, apresentando uma curva positiva de 16%, o que já chega a uma movimentação de quase R$ 150 bilhões de faturamento.

Lembrando que o setor é composto por dezenas ou mesmo centenas de nichos, que podem ir desde uma fábrica de papel de parede 3D para quarto de casal até a lojinha de bairro que instala essa solução na casa de um cliente por vez.

Além do mais, outro fator que ajuda a aquecer esse mercado é o fato de que há fenômenos sociais e profissionais que caminham nesse mesmo sentido. 

O maior exemplo deve ser o aumento do home office, que faz com que as pessoas passem mais tempo em casa.

Afinal, se antes elas precisavam acordar no primeiro horário do dia, para enfrentar a condução ou o trânsito até a empresa, agora basta trabalhar desde casa, pelo computador. 

Obviamente, isso faz com que a busca por conforto e decoração aumente, por exemplo, para não ficar sozinha o dia todo a pessoa pode decidir comprar um gato ou cachorro. 

Como isso impacta o setor de casa e construção? Simples, ela provavelmente irá até uma loja para comprar uma tela de proteção para varanda.

É assim que essa área vai crescendo cada vez mais, em consonância com novidades que não param de chegar (como a facilidade de comprar pela internet e receber em casa, se for o caso), e com toda uma mudança de hábitos e costumes pela qual estamos passando.

Por isso mesmo achamos interessante elaborar este artigo, explicando não apenas alguns modos simples de mudar um ambiente residencial, mas também as melhores dicas práticas sobre como fazer isso deixando a casa mais aconchegante.

Outro ponto fundamental é bem bacana é que é possível fazer isso com qualquer tipo de orçamento, até porque a mudança pode ir desde uma troca de piso polido, algo mais exigente e disruptivo, até a compra de um simples conjunto de tapetes.

Dito isto, se o seu interesse é compreender de uma vez por todas como sua casa pode se tornar aquele pedacinho do céu, onde você realmente se sente bem para estar, descansar ou mesmo trabalhar durante o dia, então basta seguir adiante na leitura.

Mudar para que mesmo?

A pergunta acima tem duplo sentido: o primeiro é o mais óbvio, que remete ao fato de que às vezes é preciso mudar os ares de casa para voltar a se sentir bem no ambiente.

O segundo é um gracejo no sentido de que nem sempre é preciso mudar-se de casa para conseguir isso, afinal, você pode trazer melhorias que já vão dar um toque bem especial.

Inclusive, para quem quer começar sem nenhum dinheiro, literalmente do absoluto zero, a primeira dica seria a de simplesmente fazer uma faxina geral, desde limpeza de carpetes até jogar fora tudo o que se acumulou com os anos.

Depois, que tal mudar os móveis de lugar? De fato, uma simples poltrona que vai da sala para o quarto, ou o contrário, já pode renovar os cômodos e oxigenar o ambiente, deixando o espaço muito mais aconchegante e receptivo.

Lembrando que o conceito de aconchegante também tem um aspecto visual, de amplitude e claridade, por exemplo, ou seja, não se trata apenas de assentos, almofadas e afins.

Os tapetes e as cortinas

Como dito, ter um ambiente aconchegante não é apenas contar com assentos macios e encostos diferenciados, mas levar em conta todo o ambiente, de maneira harmoniosa.

Assim, uma dica de ouro para dar uma boa oxigenada na área seria investir em tapetes. Se possível, comece por trocar todos eles, da sala de estar e da cozinha até os banheiros.

Algumas cozinhas planejadas grandes podem chegar a ter meia dúzia de tapetes. No entanto, se não for o caso de fazer uma mudança tão abrangente, você pode conciliar a ideia com um meio-termo, trazendo melhor custo-benefício.

Por exemplo, recolher apenas metade dos tapetes, deixando os que têm cor mais neutra, para trazer outros com uma cor predominante. 

Seria como deixar alguns pretos e trazer um amarelo para contrastar com ele. Outras combinações possíveis incluem:

  • Branco e preto;
  • Marrom e creme;
  • Verde e branco;
  • Branco e vermelho.

Aliás, combinar tapetes de modo sobreposto é uma tendência atual. Neste caso, você não vai apenas intercalar tapetes de cores diferentes, mas literalmente colocar um em cima do outro, deixando à mostra uma metade de cada, por exemplo.

No tocante às cortinas é possível seguir mais ou menos a mesma lógica. Por exemplo, se a sala de estar já conta com um varão e uma cortina de malha grossa, você pode instalar outro varão acima e colocar uma folha que serve como forro, dando um toque a mais.

Esse forro serve como um véu, e costuma ser feito de pano mais leve. Assim, é possível prender e modelar a cortina mais grossa, usando um laço para isso, o que deixa o ambiente ainda mais agradável, belo e aconchegante.

O diferencial do papel de parede

Lembrando que se você quiser renovar um ambiente externo mudando a cor das paredes, vai precisar recorrer a uma pintura residencial externa, pois o papel de parede não cai bem em área externa, já que a chuva destruiria tudo.

Porém, quando falamos de ambientes internos, estamos diante de uma das maiores transformações que o ramo de casa e construção já viu. 

Embora a alternativa já fosse algo antigo em países frios, demorou a chegar no Brasil.

Por isso, algumas pessoas chegam a ter medo de usar o papel de parede, talvez com receio de ele rasgar, ou de estragar a parede.

Mas, a verdade é que hoje já existem soluções com cola à base de água, que fixam mais firmemente e ao mesmo tempo, não comprometem a parede. 

Assim, você deixa o ambiente bem receptivo, aconchegante e até mais aquecido em tempos de frio.

Inclusive, essas alternativas permitem até utilizar na cozinha e no banheiro, que são ambientes úmidos, em que o vapor poderia ocasionar danos à pintura.

Uma dica de ouro é planejar bem antes de comprar, verificando se seria melhor aplicar um papel de parede mais claro e leve no ambiente todo, ou um mais carregado e colorido em apenas uma parede.

Sobre vasos de planta

Uma alternativa interessante e barata é a das plantas domésticas, que envolvem vários aspectos diferentes em termos de decoração e aconchego.

A começar pelas próprias plantas, que dão todo um colorido especial a casa, no sentido de serem um pedacinho da natureza em um ambiente confinado. Sempre seguindo à risca as dicas de rega e de banho de sol, é claro.

Por exemplo, se ela precisar de sol o dia todo, não vá deixá-la atrás de uma cortina romana, já uma que precisa de sombra ficará perfeita ali.

Outro aspecto aconchegante delas é justamente o trato com a terra e os cuidados que elas exigem, que acabam despertando certas sensações e até sentimentos na pessoa, tornando a casa um ambiente mais agradável como um todo.

Ademais, além das plantas em si, tem a questão dos vasinhos, bancadas e murais amadeirados, que funcionam como painéis. Já existe até mesmo vaso vertical, que é fixado diretamente na parede.

Enfim, ao pintar bem esses suportes e fazê-los harmonizar com a proposta geral do cômodo em que a planta ficará, o próprio ambiente vai se tornar mais aconchegante e mais bonito.

Mudanças mais estruturais

Por fim, precisamos lembrar que tornar uma casa mais aconchegante é algo que passa também pelas áreas externas, já que elas são uma extensão do imóvel e têm alta potencialidade de gerar uma satisfação maior.

Assim, se uma mudança de piso, portas e janelas pode ser considerada uma mudança estrutural dentro de casa, há várias semelhantes para o lado de fora. Por exemplo, instalar uma churrasqueira, ou uma piscina infantil fibra.

Em todos esses casos, as novas funcionalidades que forem agregadas vão ajudar a tornar o dia a dia bem mais interessante e empolgante para todos.

Considerações finais

Resumindo, o ramo de casa e construção é um dos que mais crescem no Brasil, abarcando desde reformas estruturais até a parte de decoração e design de interiores.

Graças a isso as pessoas têm procurado cada vez mais alternativas para tornar o ambiente doméstico mais aconchegante.

Com as informações e dicas que trouxemos acima fica bem mais fácil dar os passos iniciais nessa direção, com segurança e conforto.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el