Decoração sustentável: 5 dicas para aderir

Decoração sustentável

A decoração sustentável é um conceito de decoração que adere aos ideais de sustentabilidade, e esta, por sua vez, é cada vez mais necessária e urgente em nossa sociedade.

Quando falamos em estilo de vida sustentável, nos referimos às pessoas que procuram tomar decisões mais conscientes no dia a dia, seja na hora de comer, se vestir, morar, dentre outros aspectos.

Elas pensam no planeta e no meio ambiente antes de comprar alguma coisa, comer determinado alimento, usar um meio de transporte, e assim por diante.

O que mais pesa em uma atitude sustentável é o consumo, visto que a maior parte do tempo estamos consumindo algo. 

A água do banho, a energia elétrica e a mobília da sua casa entram em pauta. Sendo assim, é possível ser sustentável até mesmo na hora de decorar.

Por ser um assunto em pauta e muito importante, arquitetos e decoradores adotaram práticas com o intuito de preservar o ecossistema e reduzir os impactos na natureza.

Se você também se preocupa com esse assunto e quer levar a sustentabilidade para dentro da sua casa, leia este artigo. Aqui, vamos mostrar o que é decoração sustentável, dar algumas dicas e explicar a sua importância.

O que é decoração sustentável?

A decoração sustentável segue as mesmas premissas da construção sustentável, que são reduzir, reutilizar e reciclar. Por isso, ela vai muito além da reciclagem e reaproveitamento de alguns tipos de materiais.

O objetivo desse tipo de decoração é trazer mais qualidade de vida aos seus adeptos, com ações que protegem o planeta e as gerações que estão por vir.

Além de optar por mobílias provenientes de materiais reciclados e reaproveitados, esse tipo de decoração começa por uma escola consciente.

Por exemplo, ao escolher uma empresa de manutenção de jardim, você prefere aquela que assume uma postura sustentável em seus processos, nos materiais que utiliza, nas ações a favor do meio ambiente, entre outras possibilidades.

Trata-se também da realização de compras mais conscientes, consumo racional de recursos naturais, trocar materiais poluentes por ecológicos, e demais ações.

Sendo assim, além de deixar sua casa mais bonita, você colabora para minimizar os impactos ambientais e adere a um estilo de vida mais racional.

Fazendo uma decoração sustentável para o seu lar

Agora que você já sabe o que é decoração sustentável e os objetivos dela, neste tópico, vamos mostrar algumas dicas para fazer a sua. 

Afinal, se você compactua com a sustentabilidade e deseja levá-la para dentro da sua casa, é necessário seguir algumas dicas de decoração sustentável:

1. Fazer compras sustentáveis

Na hora de comprar uma peça decorativa para o lar, procure opções que unem estilo e sustentabilidade. Uma dica para encontrá-las é procurando em brechós e bazares, que vendem artigos, como:

  • Móveis;
  • Telefones antigos;
  • Vitrolas;
  • Eletrodomésticos.

Além de darem um charme a mais para a sua casa, você evita itens feitos a partir de materiais que agridem o meio ambiente.

Agora, se esse estilo não te agrada e você quer comprar algo novo, como divisória de gesso para quarto, prefira marcas que utilizem materiais reaproveitados nas composições. Isso é ainda mais importante quando falamos dos móveis de madeira.

O ideal é que eles sejam feitos de madeira de reflorestamento, portanto, a matéria-prima não é extraída do meio ambiente.

Outra opção é optar pela fibra natural para vários itens, como cortinas, almofadas e outras mobílias com estofados. O algodão e o linho são os mais adequados em uma decoração sustentável.

Se você está construindo ou reformando, prefira tintas ecológicas, como aquelas feitas à base de terra ou cal. Substitua itens de plástico por aqueles feitos com material biodegradável.

Além disso, troque lâmpadas comuns pelas de LED, que além de serem mais econômicas, duram muito mais tempo, o que significa que você não terá que gastar comprando novas.

2. Priorizar a iluminação natural

A iluminação natural é sempre a melhor opção, e você pode garanti-la com um telhado de vidro com madeira em uma parte da casa, além de manter as janelas sempre abertas.

Escolha mobílias mais claras, assim como pisos e paredes em tons neutros, para valorizar ainda mais a entrada de luz solar.

Evite colocar móveis em frente às janelas, pois além de prejudicarem a entrada de luz natural, prejudicam a estética da decoração.

3. Reutilizar sempre que possível

Muitos itens que usamos no dia a dia podem ser reaproveitados, como retalhos de tecidos e embalagens de alimentos. Ao invés de jogar fora peças de roupas que não podem ser doadas, você pode reaproveitar algumas para criar diferentes itens.

Dentre as possibilidades estão capas de almofadas, cortinas, colchas, tapetes, dentre outras opções. Outro material que pode ser reutilizado são as rolhas de garrafas de vinho.

Você pode uni-las e transformá-las em uma peça de decoração, que vai combinar perfeitamente com seu gaveteiro para arquivo.

As garrafas, por sua vez, podem se transformar em lindos vasos para o seu jardim vertical ou para colocar em cima da mesa.

4. Comprar produtos artesanais

Existem muitos produtos artesanais feitos a partir de materiais sustentáveis, como vidro, madeira, linha, barbante, metal e plástico.

Nas mãos de artesãos talentosos, eles se transformam em verdadeiras obras de arte. Comprando-os, além de você adquirir um item sustentável, vai colaborar com o trabalho de uma pessoa que merece esse reconhecimento.

5. Investir em plantas

Uma casa verdadeiramente sustentável, além de ser pintada com uma tinta para sala feita por um fabricante consciente, tem muitas plantas em sua decoração.

Os vasos são bem-vindos em todos os cômodos, você só precisa escolher espécies que lidam melhor com a sombra ou com o sol.

Quem mora em apartamento pode criar um jardim vertical, usando um palete de madeira e garrafas pet para plantar.

Dentre as melhores opções para ambientes internos estão a samambaia, bromélia, palmeira e as suculentas.

Importância da decoração sustentável

A decoração sustentável tem dois papéis, que é cumprir uma função estética e preservar o meio ambiente, por meio de itens como espelho decorativo grande, feitos com materiais produzidos de maneira consciente.

Além disso, esse estilo incentiva uma economia mais justa e cuida da sociedade, tanto direta quanto indiretamente.

Estamos falando de um tipo de decoração mais democrático, que traz opções acessíveis e que conta com o respaldo de designers renomados e da tecnologia.

É dessa forma que ela pode atender às expectativas de todos, inclusive dos proprietários de imóveis de alto padrão.

Portanto, trata-se de um conceito que busca ir além da reciclagem na hora de decorar. É fundamental ressaltar isso porque, quando falamos de decoração sustentável, a primeira coisa que nos vem à mente são sofás de pallet.

No entanto, a ideia é muito maior do que isso. Quando você decora de maneira sustentável, ao comprar lanterna decorativa artesanal, seus cômodos se tornam muito mais funcionais, bonitos e confortáveis.

Não podemos nos esquecer de que essa decoração preza por mobília de qualidade. Isso porque um produto que dura mais tempo, vai demorar mais para ser descartado, e quanto menos descartes na natureza, melhor.

Sendo assim, ao pesquisar móveis e objetos de decoração sustentáveis, você vai encontrar opções de excelente qualidade para a sua casa.

A qualidade não é menos do que excelente dentro desse estilo, o que nem sempre acontece com os outros. Se você comprar uma mesa de jantar sustentável, pode ter certeza de que ela vai durar muitos anos se precisar trocá-la.

Então, além de preservar o meio ambiente, a decoração sustentável te ajuda a economizar. Você também tem mais liberdade para adotar o estilo que quiser, como por exemplo, ter o piso industrial concreto polido.

O objetivo dos fabricantes de peças sustentáveis para decoração não é supervalorizar os itens, e para tornar os móveis mais viáveis e acessíveis, eles investem em uma série de soluções criativas.

Com isso, você terá uma casa bem decorada, com móveis bonitos, duráveis, economicamente acessíveis e feitos de maneira consciente.

Tudo o que estiver dentro do seu lar será pensado de modo a atender às suas necessidades, sem que para isso seja necessário prejudicar o meio ambiente.

Conclusão

Cuidar do planeta é uma obrigação de todos nós. É nosso papel consumir de maneira mais racional e pensar qual a carga de um produto para a natureza.

Isso não diz respeito apenas aos produtos que consumimos no dia a dia e que ganham um selo de consciência ambiental, mas também no modo como decoramos a nossa casa.

Você pode não perceber, mas aquela estante linda que você viu em uma loja pode ter custado caro para o ecossistema.

Pensando na qualidade de vida do planeta e dos seres humanos, e garantindo que as próximas gerações tenham boas condições de sobrevivência, a decoração sustentável é uma tendência que veio para ficar.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el