Cozinha americana: saiba o que é quais os benefícios

cozinha americana

O conceito de cozinha americana tem ganhado cada vez mais espaço entre os especialistas de design e decoração, por sua praticidade aliada ao estilo.

A cozinha é considerada uma das áreas mais importantes de qualquer apartamento ou casa. Isso porque a maioria das pessoas acaba passando bastante tempo na cozinha, seja no preparo de alimentos ou realizando refeições.

Por isso, é na cozinha que a maioria dos serviços essenciais da casa se concentra, que se torna também um ambiente de integração e convívio social.

Uma cozinha americana é um ambiente que amplia e melhora o espaço livre e comum da casa, por sua integração com outros cômodos.

Em ambientes pequenos, como um apartamento de metragem baixa, essa integração pode fazer a diferença no conforto e aconchego de seu lar.

Inclusive, utilizar um espelho decorativo para sala de jantar pode tornar o ambiente ainda maior, permitindo uma melhor utilização da decoração para melhorar o cômodo.

Cozinha americana vs. cozinha tradicional

Antigamente, as cozinhas costumavam ser muito amplas para armazenar todos os objetos e eletrodomésticos necessários para o funcionamento do ambiente.

Além de geladeiras, móveis de despensa, armários, pia e outros elementos básicos da cozinha, era costume haver uma grande mesa para o preparo de alimentos e para reunir a família para as refeições.

Com o espaço maior dos apartamentos e casas, logo criou-se uma separação entre espaços, surgindo a sala de jantar.

A maioria destas cozinhas usavam elementos específicos para elas, como o piso epóxi cozinha, que tornava o ambiente mais limpo, elegante e diferenciado.

Diversas construtoras da época começaram a criar ambientes já separando os cômodos, para que não houvesse mistura entre a área de preparação da comida e a área de alimentação propriamente dita.

Muitas vezes, com o espaço mais amplo, era possível criar ainda uma copa, área anexa a cozinha onde se armazenavam:

  • Pratos;
  • Talheres;
  • Copos;
  • Prataria.

Então era comum em alguns locais esse cômodo ser dividido em três partes: a sala de jantar, a cozinha e a copa.

Com o tempo, o espaço dos imóveis começou a ser reduzido, com uma priorização de espaços de uso comunitário nos edifícios em detrimento da área útil dos imóveis.

Surge então uma nova ideia estética, que é a cozinha americana.

Inspirada em conceitos de design criados nos Estados Unidos, este formato utiliza uma área sem separação de paredes e portas, criando uma bancada de meia parede para diferenciar a cozinha da sala de estar.

Você pode até mesmo usar elementos da cozinha como aspectos decorativos nessa bancada, como um vinho branco frutado compondo o ambiente de decoração.

A ideia desse tipo de conceito é integrar os ambientes para aumentar a possibilidade de interação, dando prioridade a funcionalidade da cozinha. Em apartamentos pequenos, é fundamental ganhar o espaço que a ausência de paredes proporciona.

A funcionalidade da cozinha é essencial para não perder tempo em suas atividades diárias. É preciso ter espaço de armazenamento para todos os itens necessários, além de poder acessar facilmente os aparelhos de utilização comum.

Pensando nisso, a cozinha americana é um excelente meio de se organizar adequadamente, para continuar usando o espaço da melhor forma possível com relação aos móveis e eletrodomésticos.

Para espaços menores, é importante pensar em quais utensílios e aparelhos são fundamentais para o dia a dia, evitando assim o excesso de itens em uma cozinha e permitindo que você se organize para a melhor utilização do espaço.

A ausência de divisões também possibilita que você tenha mais interação com outras pessoas dentro da casa.

Se tiver crianças pequenas, pode fazer suas tarefas na cozinha sem perder de vista os pequenos, que podem ficar na sala de estar assistindo TV ou realizando outras atividades.

Além disso, é importante pensar em espaços de alimentação coletiva para aproveitar melhor os momentos em família na cozinha. Quando não há uma parede separando os ambientes, é possível que todos possam fazer as refeições juntos.

Ademais, o balcão que separa a cozinha dos outros ambientes pode ser utilizado como uma bancada de alimentação, criando uma área despojada e interessante, aproveitando um espaço que já estaria ali existindo.

É preciso tomar cuidado, entretanto, com alguns elementos essenciais. Um dos principais fatores a cuidar em uma cozinha americana é o cheiro.

Alguns alimentos, como peixes e frituras, podem deixar um odor forte que se espalha por todo o imóvel, causado pela ausência de portas e paredes de uma cozinha americana.

No entanto, uma boa janela ou um exaustor potente podem dar conta desse tipo de problema.

Além disso, a cozinha americana fica exposta para todos os ambientes.

Você pode guardar sua chave canivete codificada do carro no ambiente da cozinha, sem perder espaço de utilização ao colocar um porta-chaves decorativo, que ainda pode servir para outras utilidades, como guardar cartas.

Isso exige a criação de uma rotina de limpeza, para manter o local sempre em ordem e sem passar uma impressão ruim para suas visitas.

Vantagens de uma cozinha americana

Existem muitos formatos diferentes de organizar sua cozinha, mas o modelo americano sai na frente em alguns fatores importantes, tornando-se uma excelente opção de design para apartamentos e casas modernas, onde o espaço pode ser um problema.

1. Praticidade

Um dos principais pontos a ser levado em conta na cozinha americana é sua praticidade. Por integrar os ambientes da casa, normalmente a sala de estar, que é um importante cômodo da casa, você pode realizar diversas atividades com mais conforto.

Além disso, em festas e reuniões sociais, a pessoa designada para preparar a comida não é forçada a ficar em um ambiente isolado, dependendo de pessoas irem até ela para poder interagir.

Uma coifa industrial não é necessária, mas pensar em elementos que diminuam odores e gordura é fundamental.

O espaço aberto permite que todos consigam conviver de forma muito mais integrada e interessante, tornando os momentos mais leves e descontraídos.

Além disso, esses espaços costumam ser adequados para ambientes planejados.

Investir em uma cozinha americana planejada pode ser uma excelente opção para utilizar da melhor forma possível o espaço, sem perder áreas que podem ficar inutilizadas por móveis padronizados.

2. Menos paredes

Hoje em dia, os ambientes são pensados de forma a utilizar melhor os espaços reduzidos de área útil de uma casa ou apartamento.

A ausência de paredes não só cria um ambiente mais amplo, como também permite uma economia muito maior em questões de reformas e modificações no imóvel.

Entretanto, se o seu imóvel for mais antigo, é fundamental pensar nos formatos que você pode utilizar para criar uma cozinha americana. Isso porque nas paredes é possível que exista algum tipo de problema na hora de fazer a reforma.

Com isso, você pode acabar dedicando um valor maior para outros tipos de reparo, como impermeabilização de piso.

Identifique todos os recursos de elétrica e hidráulica de sua casa antes de começar a derrubada de uma parede. Esse tipo de ação economiza uma série de reformas posteriores se você não tomar cuidado na hora de começar.

 

3. Mais espaço

A sensação de amplitude é fundamental na construção de uma cozinha americana. Em apartamentos pequenos, ela transforma dois cômodos minúsculos em uma área maior, modificando o espaço utilizado em uma área muito mais confortável e aconchegante.

Com isso, você pode desenvolver uma série de projetos de design de interiores que podem extrapolar na criatividade, criando uma diversidade de espaços únicos e charmosos.

Sabendo escolher as técnicas de design, é possível criar uma série de mudanças elegantes e requintadas para sua casa.

4. Boa iluminação

Outra vantagem essencial da cozinha americana é a iluminação. Isso porque, com a área aberta integrada com a sala de estar, é possível receber muito mais diretamente a luz natural, tornando o ambiente mais agradável e interessante.

Além disso, mesmo a infusão da luz elétrica acaba tornando o ambiente iluminado e mais claro, uma vez que o ambiente mais amplo permite a utilização tanto da luz própria da cozinha, quanto da luz da sala de estar.

Um imóvel que possua uma área externa, como uma varanda gourmet ou sacada, pode aproveitar a área aberta para se integrar criando um espaço de iluminação ainda maior.

5. Valorização de ambiente

Quando você tira a cozinha do isolamento, permite que a área se torne muito mais valorizada dentro da casa.

Isso porque cozinhar se torna uma atividade coletiva, onde todos podem fazer atividades juntos e permitir o aroma dos alimentos se espalharem pela casa, criando uma área de lazer e de reunião familiar em um ambiente que foge do isolamento.

Vale a pena verificar antes de iniciar a transformação um depósito de material de construção para conseguir os melhores preços para a reforma.

Investir em uma cozinha americana pode ser uma excelente opção para mudar o ambiente de seu lar e transformar a cozinha em uma área muito mais prática e funcional.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Actualizado el