Como fazer marketing esportivo

mkt

Você sabe como fazer marketing esportivo? Todos os anos a indústria do esporte movimenta bilhões de dólares ao redor do mundo. Grandes e pequenas empresas faturam muito com o segmento, que é um dos mais visados do mercado.

Nesse guia vamos mostrar como é possível explorar o marketing esportivo, quais são as melhores estratégias e como os players conseguem fazer dinheiro por meio do esporte.

O que é marketing esportivo

Antes de falarmos especificamente sobre as formas como o marketing esportivo, vale a pena entender melhor essa modalidade de marketing. Afinal de contas, em que ela se diferencia do marketing tradicional? Vamos falar sobre isso agora.

O marketing esportivo deve ser entendido como um dos segmentos do marketing. O seu principal fundamento ou objetivo é a geração de ativos para as empresas que exploram esse universo.

Existem muitas marcas que possuem como público-alvo direto os esportistas ou pessoas que acompanham os esportes, como os torcedores. Para que essas marcas consigam resultados, elas precisam implementar estratégias diferenciadas.

Todas as ações do marketing esportivo visam atingir clubes, atletas, torcedores, influenciadores, clubes e até mesmo organizações, como países e governos. Esses são os principais alvos das campanhas.

A finalidade das estratégias é divulgar produtos e serviços, que podem ou não estar relacionados com os esportes. Por exemplo, durante o intervalo de uma partida de futebol, a televisão exibe comerciais de carros, xampu e muito mais.

Mas como as empresas conseguem aplicar o marketing esportivo? Existem muitos cursos que mostram como fazer isso, na prática e detalhadamente. Nós separamos algumas das estratégias mais conhecidas e eficientes.

Patrocínio

Uma das formas mais tradicionais de fazer marketing esportivo é através do patrocínio. Essa estratégia consiste basicamente em financiar determinado esportista, time ou equipe, com recursos próprios.

Ao fazer isso, a marca em questão compra o direito de aparecer como patrocinadora, nos canais de divulgação oficial. Esse direito pode ser exercido com ou sem exclusividade, a depender do contrato firmado.

Entre os direitos do patrocinador está a possibilidade de expor o seu nome ou marca nos produtos dos esportistas, como a roupa, veículos, equipamentos e similares. Assim, em qualquer evento esportivo o patrocinador é lembrado.

Geralmente os valores envolvidos nos patrocínios são grandes, tendo em vista que o nome da empresa estará presente em diversos lugares e momentos. Exemplo disso é o patrocínio de times de futebol e equipes de corrida automobilística.

Os contratos são muitas vezes milionários, sendo muita vezes firmados por grandes marcas que atuam no mercado. Entre elas estão a Nike, a Coca-Cola e similares, que estão sempre presentes no mundo dos esportes, aproveitando a visibilidade.

Licenciamento

Outra forma bastante comum de marketing esportivo é o financiamento. Muitas vezes os esportistas, times ou equipes se tornam tão expressivos que começam a planejar estratégias como a produção de brinquedos, produtos oficiais e similares.

Com o licenciamento, uma empresa compra o direito de vender, com exclusividade, produtos relacionados ao mundo do esporte. Vamos imaginar, por exemplo, um boneco de um jogador, que seja produzido e vendido por uma empresa específica.

Ao fazer isso, a empresa consegue lucrar com a venda de um produto que possui um alto valor agregado, tendo em vista o grande impacto que ele causa. Nesse caso, tudo depende de um acordo entre a empresa e o titular do direito.

Alguns outros exemplos de produtos que podem ser licenciados: camisetas, brinquedos, livros, móveis, acessórios e artigos esportivos em geral.

Outro produto que pode ser licenciado são os programas de televisão. É possível que um canal de TV tenha os direitos de transmitir com exclusividade os jogos de determinado time ou torneio.

Eventos esportivos

Os cursos de marketing esportivo geralmente mencionam os eventos como uma oportunidade para colocar em prática essa abordagem. Essas ocasiões facilitam a criação de vínculos e relacionamentos, ajudando no crescimento de marcas.

Esses eventos podem ser públicos, destinados ao público em geral – mediante ou não de pagamento, como o ingresso – ou privados, destinados a jogadores, equipes profissionais, celebridades etc.

Quando falamos de esportes como o futebol e o basquete, por exemplo, os eventos geralmente se apresentam como ligas, torneios e competições. Nesses eventos, que envolvem um grande número de pessoas, as marcas estão sempre presentes.

Além do patrocínio e do licenciamento, conforme mencionamos acima, esses eventos oferecem espaço real para as empresas. Por exemplo, imagine que dentro de um campeonato a empresa possa montar um stand com os seus produtos.

Dessa forma, além de permitir a divulgação, os eventos garantem uma oportunidade real de vendas. A presença das marcas perto dos seus consumidores, por sua vez, contribui para a construção de uma relação muito mais íntima e duradoura.

Anúncios publicitários

Não podemos esquecer uma das formas mais tradicionais de fazer marketing esportivo: os anúncios. Eles permitem a divulgação de uma marca, seus produtos e serviços.

Os anúncios publicitários podem ser veiculados em diversos espaços, especialmente em estádios e espaços de competição. Em uma partida de futebol, por exemplo, envolvendo times de grande alcance, são milhares de pessoas assistindo ao vivo.

Além das pessoas que participam efetivamente no estádio, comprando ingresso, milhares de outras acompanham pela televisão. Dessa forma, o alcance de um banner pode ser gigantesco, gerando resultados para as empresas.

Por isso mesmo os estádios de futebol estão repletos de conteúdo publicitário. Banners e anúncios aparecem por todos os lados.

Produção de conteúdo

Para fazer o marketing esportivo, muitas empresas também se valem da produção de conteúdo. Essa é uma estratégia que demonstra bons resultados, tendo em vista o papel fundamental do conteúdo relevante dentro do marketing de modo geral.

Conclusão

Como você pode ver, existem diversas formas de fazer marketing esportivo. Esse é um segmento que oferece grandes oportunidades para que marcas mostrem o seu nome, produtos e serviços.

De modo geral, as estratégias do marketing esportivo se diferenciam em razão do público para o qual são direcionadas.

Para que as empresas consigam visibilidade, é preciso dialogar com as pessoas que fazem parte do universo esportivo, de forma direta ou indireta. As ações bem-sucedidas são capazes de promover resultados expressivos para os interessados.

Actualizado el