Porcelanato líquido: o que é e como aplicar?

Porcelanato líquido

Também conhecido como piso monolítico, o porcelanato líquido é um revestimento que muitas vezes utiliza a aplicacao de resina epoxi de piso, um composto que é comumente encontrado em resinas e adesivos. Sua aparência é uniforme e sem nenhum tipo de rejunte.

O acabamento desse tipo de piso é esteticamente muito agradável, e normalmente apresenta um nivelamento total da superfície, facilitando assim sua utilização com mais qualidade.

Esse material não é uma novidade no mercado, e sua utilização era ampla em diversos locais onde a resistência deveria ser mais alta para aguentar ataques abrasivos.

Entretanto, ele começou a se popularizar e ser utilizado de diversas maneiras, inclusive em residências.

Assim como o cimento queimado, que também tem sua origem nas indústrias, esse piso está cada vez mais ganhando popularidade, principalmente, pela vontade das pessoas de encontrar um piso nivelado e liso, que não tenha nenhum tipo de rejunte.

Aliado a uma iluminacao a LED industrial, este tipo de piso dá um charme único para sua residência.

Dessa forma, você consegue encontrar uma alternativa flexível a outros tipos de piso do mesmo formato, que conta ainda com uma grande variedade de opções de cores e modelos para conseguir aplicar corretamente em seu piso.

Entretanto, o porcelanato líquido não pode simplesmente ser aplicado. É preciso compreender como o piso que será utilizado se apresenta, especificamente com relação a quão plano ele é.

Por isso, muitas vezes é necessário fazer alguns tratamentos no chão antes de iniciar.

Se você é novo no mundo do material de construção, é comum identificar algumas similaridades com outros produtos, e isso acaba fazendo com que você possa confundir o porcelanato comum com o líquido.

Entretanto, eles são bem distintos entre si. O primeiro ponto é que o porcelanato comum é feito de placas sólidas, que são colocadas entre si. 

Neste caso, ainda há a necessidade de rejuntar o material, o que gera uma separação entre cada uma das placas.

Já o material líquido é uma resina uniforme, que consegue ser aplicada em toda a região sem que exista uma necessidade de fazer qualquer tipo de emenda ou junção. 

Além disso, existem diversas opções do porcelanato líquido para serem aplicados.

Você pode até mesmo combinar o modelo com uma janela de aluminio e vidro estilizada, para criar um ambiente incrível.

Embora o mais comum seja o modelo de piso sem nenhum tipo de efeito, alguns modelos tem diversas cores e uma das principais novidades no mercado são os pisos 3D.

Nestes casos, antes da aplicação da resina, é colocado um adesivo ilustrado para causar um efeito de ilusão de ótica, que é muito usado para imitar ambientes como:

  • Fundo do mar;
  • Florestas;
  • Obras de arte;
  • Elementos de cultura pop.

Dessa forma, você acaba com um piso único e divertido, que certamente atrairá a atenção das pessoas que visitarem seu imóvel.

Tipos de porcelanato líquido

Apesar de o epóxi ser o material mais comum para a utilização do porcelanato líquido, ele não é o único. 

Alguns outros materiais também conseguem constituir o material adequado para a aplicação, como é o caso do uretano e do poliuretano.

Ainda assim, em alguns ambientes uma opção como o piso vinilico emborrachado acaba sendo a melhor escolha.

Entretanto, é importante se atentar que as composições são diferentes, bem como o processo de aplicação. 

É possível ainda que existam alguns detalhes que sejam exclusivos para um tipo apenas de material.

Todos os três possuem uma excelente resistência química, o que os torna muito resistentes. 

Entretanto, o epóxi não tem efetividade em proteção contra raios ultravioletas, o que impede que este material seja utilizado em áreas externas.

Nestes casos, o melhor material para aplicar o porcelanato líquido é o poliuretano, que é muito mais resistente à ação da luz natural. 

O epóxi, entretanto, ainda é o mais indicado para ambientes residenciais internos.

O uretano e outras substâncias que podem criar o porcelanato líquido acabam sendo deixadas para ambientes industriais, principalmente, porque a maior diferença é a resistência ao impacto de ataques químicos diretos.

Caso você esteja montando uma cozinha gourmet, pode pensar no porcelanato líquido de epóxi como uma boa opção de piso.

Esse tipo de ataque não acontece em uma residência, e por isso não há a necessidade de procurar um produto mais raro e com custo mais elevado para criar a estrutura do piso.

Como se aplica o porcelanato líquido?

O processo do porcelanato em si é bem simples. Entretanto, alguns cuidados são necessários para conseguir o resultado desejado sem nenhum tipo de problema. O primeiro passo é fazer um pré-tratamento no piso.

Isso faz com que você consiga nivelar o piso inteiro, para que não fiquem desníveis que podem comprometer a qualidade da aplicação. 

Dessa forma, você consegue um piso completamente liso antes de aplicar o selador.

Depois que você fez o processo de nivelamento, é hora de fazer uma limpeza profunda. 

O piso ainda estará áspero, então o ideal é fazer a limpeza com produtos que ajudem a tornar o processo mais fácil.

Depois de o pré-tratamento estar completo, você começa a aplicação do selador, utilizando um equipamento como uma enceradeira para conseguir lixar e garantir o nivelamento do piso conforme o produto vai se acomodando.

Depois de deixar o piso secar, você pode aplicar o porcelanato líquido em cima do selador, utilizando um rodo para conseguir nivelar toda a área. 

Após completar este processo, o ideal é passar um rodo especial conhecido como “fura-bolhas”.

Este rodo ajuda a dar o acabamento final para o porcelanato líquido, sobretudo tirando qualquer bolha de ar que se prenda na resina e possa gerar um resultado final que não esteja no seu agrado.

Esta última etapa é fundamental, para evitar que qualquer tipo de marca apareça no piso depois de completada a operação. 

Profissionais na aplicação deste tipo de piso utilizam até mesmo calçados especiais para evitar qualquer tipo de problema.

Por isso, muitas pessoas acabam contando com o serviço de lapidacao de piso de empresas especializadas na área.

Estes calçados normalmente possuem pontas finas para impedir que as marcas de pés fiquem na resina durante o processo de cura do chão.

Depois de aplicar o porcelanato, você terá um tempo de quase meia hora para conseguir arrumar qualquer imperfeição.

Passado esse tempo, o piso ficará seco e caso precise refazer, terá de iniciar o processo do começo. 

Por isso, é importante ter atenção a qualquer tipo de elemento que possa alterar o resultado, como poeira, fios de cabelo e outros objetos.

Vantagens do porcelanato líquido

Embora a estética sem rejunte seja o principal motivo para muitas pessoas acabarem adotando esse modelo, é importante se atentar a algumas outras vantagens que este tipo de piso pode oferecer para você.

O primeiro ponto é a rapidez na aplicação. Em apenas algumas horas, você consegue completar todos os pontos da aplicação do porcelanato, tendo em alguns dias seu piso novo, o que é muito mais rápido que outras formas de aplicação.

Você pode até mesmo colocar uma fita antiderrapante para area externa pouco depois da aplicação para um efeito melhor.

Além disso, o piso de porcelanato líquido é um processo extremamente higiênico, não deixando a sujeira e detritos comuns em outros tipos de reforma. Isso evita muita dor de cabeça com relação a sujeira e entulho.

Se você mora em apartamento, muitas vezes pode ficar limitado na descarga destes detritos, com questão de horários e dias para jogar fora este tipo de material. 

Por isso, contar com um equipamento de qualidade que não atrapalha seu dia a dia é ideal.

O porcelanato também é um material impermeável, o que é ótimo para pessoas que recebem muitas visitas, possuem crianças ou pets.

As manchas acabam não sendo uma preocupação para você, uma vez que basta passar um pano para conseguir limpar e não ter mais problemas.

Isso também é muito importante do ponto de vista higiênico. Alguns líquidos com o tempo podem acabar gerando mofo e outras contaminações, além de deixar um odor forte no ambiente, sobretudo quando lidamos com urina de pets, por exemplo.

Nestes casos, contar com a facilidade de limpeza de um piso impermeável é muito mais adequado para conseguir mais tranquilidade no seu dia a dia. 

Para limpar o piso com porcelanato liquido, o processo também é bem simples.

Você só precisa de sabão e água, uma vez que produtos químicos podem ser muito abrasivos e danificar o piso como você planejou. 

Neste caso, basta passar um rodo com os produtos e rapidamente você terá uma casa limpa.

Considerações finais

O porcelanato líquido é uma excelente ferramenta para inserir em qualquer tipo de imóvel, principalmente, por sua facilidade e suas vantagens com relação a limpeza. Hoje, é um dos formatos de revestimento mais procurados no mercado.

Desde o piso concreto polido industrial até o efeito 3D com ilusão de ótica, qualquer opção pode ser utilizada com este tipo de ferramenta.

As referências e variações de modelo permitem que você deixe sua imaginação fluir, criando conceitos únicos para colocar em sua casa e aproveitando toda a versatilidade que este material tem a oferecer.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el