6 dicas para fazer uma parede de cimento queimado

parede de cimento queimado

Hoje em dia, poucas opções conseguem ser mais modernas e versáteis que o uso de cimento queimado. Ideal para qualquer cômodo, o material transita com qualidade entre diversos estilos de decoração e pode ser perfeito para sua casa.

 

O cimento queimado tornou-se, nos últimos anos, uma das primeiras opções quando se fala em um estilo industrial e com uma pegada mais despojada, sendo opção para pisos e paredes, tanto internas quanto externas. 

 

No entanto, esse material durável pode ser uma boa opção para cozinhas, quartos e até mesmo para a realização de móveis, como pias, bancadas e estantes. 

 

Neste texto, traremos algumas dicas de como incorporar essa opção na decoração de seu lar. 

Cimento queimado - expandindo os horizontes

Quando se fala em cimento queimado, muitas pessoas imaginam que apenas pode ser utilizado em pisos e em cômodos que tenham uma decoração industrial ou mais rústica, com elementos metálicos e mais escuros.

 

Isso, porém, está distante da realidade, pois existe a possibilidade de criar espaços mais clássicos e com cores mais suaves, como tons pastéis, se essa for a vontade do proprietário do espaço. 

 

É possível, por exemplo, com uso de cortina para janela de sala em tons de bege e móveis em tons claros criar um contraste e planejar um cômodo muito sofisticado e elegante com o uso de uma parede de cimento queimado.

 

Além disso, o uso supera paredes e pisos, sendo possível utilizar o cimento queimado também para fazer móveis como estantes, pias, bancadas, cubas e na área externa, churrasqueiras e bancos, por exemplo.

1- Combinação de cores

A ideia de utilizar cimento queimado pode facilitar na escolha de cores para o ambiente. 

 

Isso porque é muito simples criar lindas combinações com esse material, seja qual for seu estilo.

 

Caso esteja em dúvida, pode ser uma ótima alternativa consultar um pintor comercial para que possa auxiliar na escolha das melhores cores e que combinem com o estilo e ambiente.

 

Algumas opções de combinação de cimento queimado são:

 

  • Com tons fortes, como vermelho e azul, para modernidade;
  • Com tons claros, como bege e creme, para sofisticação;
  • Com tons pastéis, para um visual divertido e arrojado;
  • Com branco e caramelo, para um efeito neutro;
  • Com amarelo e cinza claro, para um estilo industrial. 

 

Como se percebe, é praticamente impossível errar com cimento queimado, sendo uma ótima opção para qualquer um dos estilos que se pretende chegar em um cômodo. 

 

Além disso, as cores devem refletir também o uso do cômodo, como cores mais fortes para cozinha e sala e tons mais suaves para quartos. Outro ponto é que estejam alinhados com os móveis escolhidos. 

 

Quando se pretende um resultado mais moderno, combinar com tons de amarelo, por exemplo, pode manter a ideia de um design mais industrial e forte, sem que se opte apenas por opções de escuras. 

 

Outra forma interessante de fazer uso do cimento queimado é no teto. Nesse caso, deve-se ter atenção para garantir outros pontos de iluminação, como uma trilha de luzes, janelas grandes que garantam luz natural e utilização de luminárias. 

 

É possível fazer esse uso em cozinhas, por exemplo, garantindo um visual bem arrojado, com uso de azulejos brancos e elementos em inox e madeira. 

 

Com isso, a combinação de cores fica neutra e discreta, mas ainda mantendo a modernidade. 

2- Cuide da iluminação 

Uma crítica que se faz ao uso do cimento queimado é que, por ser escuro, poderá deixar o ambiente pouco iluminado.

 

Isso não se comprova, pois existem opções mais claras em cimento ou até mesmo, optar por versões coloridas do material. 

 

Ainda assim, se a escolha for pelo cimento queimado tradicional, ou seja, em tons de cinza chumbo, deve-se ter muita atenção ao projeto de iluminação e a outros elementos que possam garantir a claridade do ambiente.

 

Nesse caso, criar vários pontos de luz pode fazer com que o cômodo tenha maior iluminação e dependa de menos recursos para ampliar a claridade. 

 

Outra dica importante é abusar de espelhos, que refletem a luminosidade. 

 

Assim, se uma sala parece muito escura mesmo com janelas amplas e diversos pontos de luz, a solução poderá ser optar por um espelho decorativo grande, que aumente a claridade da sala sem depender de mais um ponto de iluminação. 

 

Um bom projeto de iluminação é essencial para garantir um ótimo efeito seja qual for o material escolhido para paredes, piso e teto. 

 

Com o cimento queimado, não é diferente, sendo ainda mais imprescindível. 

3- Sem sujeira

Uma das vantagens do uso de cimento queimado é que sua aplicação é muito limpa e não exige maiores desgastes do local de aplicação, apenas que esteja bem higienizado, livre de gorduras e de poeira, o que uma aplicação de cloro concentrado para limpeza já resolve.

 

Existe a forma de aplicação de cimento queimado com a utilização do próprio cimento diretamente no local escolhido ou a opção de placas de cimento, que são instaladas no determinado espaço. 

 

Cada uma das opções requer mão de obra especializada para que o resultado fique impecável e garanta a boa aparência prometida. 

 

Existem maneiras de aplicação de produtos que já estão prontos, como cimento queimado pronto. 

 

Isso facilita ainda mais o trabalho, garantindo que não haverá sujeira na aplicação, pois o material nem requer que seja realizada a mistura necessária quando há utilização de cimento comum para criar o mesmo efeito. 

 

Outro ponto interessante é que é possível aplicação parcial, criando um efeito em metade do espaço só, como utilização em meia parede ou em um canto apenas do piso, para que seja criado um efeito mais moderno e proposital. 

4- Fazendo durar

Uma das certezas que se pode ter quando se opta pelo cimento queimado é que o material é muito durável. 

 

Poucos materiais podem ser considerados tão práticos e resistentes quanto o uso de cimento, seja qual for a aplicação. 

 

Ainda assim, quando se fala no uso externo ou até mesmo, no efeito desejado no uso interno, é interessante realizar aplicações de verniz para garantir que a cor não mude, bem como que a durabilidade seja mais longa. 

 

Assim como a aplicacao de epoxi, o uso de cimento queimado com um verniz por cima é garantia de durabilidade até mesmo em espaços que têm uma tendência maior a umidade, como cozinha e banheiros.

5- Móveis em cimento queimado

Uma alternativa que despontou no mercado de construção, reforma e decoração nos últimos anos é a utilização de cimento queimado para móveis, tanto na área externa, mais comuns, quanto na área interna, mais inusitados. 

 

Dessa forma, é possível com facilidade hoje em dia ver opções de estantes, na medida que o dono do imóvel precisa, para abarcar bem todos os objetos e livros, de forma segura e durável, trazendo um toque de modernidade. 

 

Outra opção que se tornou muito comum são mesas e bancos de cimento queimado, tanto dentro quanto fora de casa, sendo combinados até mesmo com assoalho de madeira, tampo de vidro e cadeiras mais delicadas para um toque de irreverência. 

 

É comum também que se opte por estruturas de cimento queimado na área externa, construindo churrasqueira, bancadas e pias para uma área gourmet fora de casa. 

 

A ideia de pias continua quando se fala em banheiros, pois existem referências de cimento queimado em parede e continuando como pia. 

 

Na cozinha, o uso mais comum costuma ser para bancadas, garantindo uma boa superfície para que se possa ter espaço fácil de higienizar. 

Nas salas, pode-se usar o material também para criar bancadas versáteis para trabalhar ou realizar refeições. 

 

Como se vê, os usos para o material em móveis são diversos e apenas dependem da imaginação e da criatividade para sanar necessidades. 

6- Valorizando sua parede de cimento 

Existem algumas formas de valorizar e evidenciar o uso do cimento queimado quando se usa como parede, sendo possível criar um ponto de destaque e contraste em um cômodo.

 

Uma boa alternativa é utilizar uma trilha de luzes e iluminacao a LED industrial para jogar mais claridade no espaço e garantir que seja evidenciada a textura e a cor do cimento queimado quando utilizado como parede.

 

Outra maneira de poder trazer mais destaque é garantir que as peças utilizadas junto a parede sejam de cores fortes ou bem suaves, criando um contraste que valoriza o uso, bem como traz o efeito buscado de elegância e modernidade. 

Considerações finais 

Hoje em dia, quando se fala em cimento queimado, existe uma variedade tão grande de apresentações, estilos e utilizações que é difícil imaginar que não será uma boa escolha para qualquer ambiente de uma casa. 

 

Além de ser um material de fácil instalação, é também bom para realizar a limpeza, bem como apresenta uma durabilidade difícil de se conseguir com outras opções, querendo manutenção simples e de baixo custo, com aplicação de verniz. 

 

É possível, ainda, fazer uso do cimento queimado em objetos, que poderão ser coloridos em cabine de pintura e vão apresentar melhor qualidade e durabilidade. 

 

Por isso, seja qual for a necessidade e a vontade de uso, é possível realizar com cimento queimado diversas opções, com custo mais baixo e resultado impecável. 

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el