5 atividades para fazer com crianças dentro de casa

criancas em casa

Atividades com crianças são sempre desafios para pais e responsáveis, já que sempre existe uma vontade de trazer o melhor divertimento para os pequenos. No entanto, em época de pandemia, esse desejo se reverteu em uma necessidade evidente.

 

Em tempos de isolamento, tudo fica ainda mais monótono dentro de casa, ainda mais para pessoas que trabalham, estudam e cuidam de crianças ou de pets. Mas para quem é pequeno e precisa liberar energia constantemente, tudo fica ainda mais tedioso.

 

Por isso, muitos pais vêm procurando ajuda, seja em grupos de amigos ou até mesmo pela internet, para que possam começar a oferecer aos seus filhos atividades de divertimento e ao mesmo tempo de relaxamento dentro de casa ou mesmo de um apartamento.

 

Em lugares com paisagismo e jardinagem, por exemplo, tudo fica ainda melhor, visto que os quintais e jardins são espaços interessantes para crianças tanto gastarem energia quanto realizarem atividades mais calmas e próximas da natureza, como o plantio.

 

No artigo de hoje você vai entender mais sobre essa nova realidade da criançada em todo o mundo, e porque vêm sendo cada vez mais importante pensar em atividades interessantes que saiam da rotina, ainda que dentro de casa, em um tapete atividade infantil.

A nova realidade com as crianças em casa

Com a pandemia do novo coronavírus, o mundo inteiro precisou desacelerar as rotinas normais, como ir à aula, trabalhar no escritório, frequentar lugares movimentados e divertidos, como bares e festas, e até mesmo deixar de ir em lugares essenciais.

 

Tudo isso foi necessário para que houvesse uma maior proteção contra a doença, que já é conhecida por ser espalhada rapidamente, e tem como um dos disseminadores, de acordo com pesquisas mais recentes, as crianças, que quase sempre são assintomáticas.

 

Ou seja, com essa realidade, uma das primeiras ações tomadas foram os fechamentos de escolas, visando proteger tanto os pequenos quanto os parentes destes, em especial as pessoas mais velhas com os quais costumavam passar horas do dia.

 

Isso porque, também em análises primárias da doença, idosos são considerados potenciais grupos de risco, e precisam então estar distantes de pessoas que possam transmiti-lo com maior facilidade. Começou então a elaboração de uma nova rotina.

 

Muitos pais e responsáveis, por conta da nova situação, passaram a ter que dividir rotinas de trabalho e cuidados com a casa, com o olhar intensivo para crianças, o que engloba tanto a revisão de deveres quanto a projeção de um espaço de brincadeiras.

 

No entanto, nada parece ser tão fácil. Em idades menores, crianças costumam querer brincar e fazer atividades que desempenhem um escape para o gasto de energia, algo que nem sempre conseguem ter dentro de um apartamento, por exemplo.

 

Já os pais, dentro dessa nova realidade, muitas vezes precisam optar em deixar de lado algumas atividades, como a arrumação de uma casa, para dar espaço a novas ideias sobre como fazer o tempo passar para os pequenos, e assim, ter mais tempo de sossego.

 

É o caso de uma aula de bolo de leite ninho simples feita pela internet com pais e filhos, onde além de uma atividade sobre alimentação, existe uma união de ambos os lados em criar algo do zero, que nesse caso é a produção divertida de um doce caseiro.

A importância de atividades fora da rotina

Pensando em um contexto até mesmo fora da pandemia, as atividades diversas são essenciais para o desenvolvimento de crianças, de forma que elas trabalhem não apenas um exercício físico, mas também mental e sentimental dos envolvidos.

 

Isso faz com que, por exemplo, questões que envolvem socialização acabam surgindo, fazendo com que essas crianças fiquem cada vez mais adaptadas a uma sociedade na qual, uns anos mais tarde, deverão viver e participar ativamente, mais do que agora.

 

Outro quesito é o problema que a falta de movimentação poderá fazer para mentes em pleno desenvolvimento. Essa é a situação em que jogos, atividades, exercícios e brincadeiras devem ser cada vez mais incidentes, para atingir uma boa educação.

 

Por exemplo, uma aula de criação de um mini hambúrguer artesanal pode ser apenas um passatempo sem utilidade nos olhos de alguns, mas em um contexto mais amplo, ela servirá para que os pequenos saibam organizar, lembrar de ingredientes, dentre outros.

 

Já no caso de um isolamento social generalizado, a importância de atividades contínuas fica ainda mais acesa. Afinal, é já difícil para adultos terem que lidar com o distanciamento do mundo normal, que dirá para crianças que estão em pleno crescimento.

 

Uma boa questão dentro disso é que os pais e responsáveis também precisam trabalhar, fazer atividades comuns do dia a dia, e deixar crianças sem fazer nada muitas vezes pode ser problemático para toda a convivência dentro de uma casa com muitas pessoas.

 

Geralmente essa criança pode não ficar satisfeita com atividades de sala de aula online, precisando então de um reforço para que façam algum tipo de esforço voltado para outro viés, como o físico, por exemplo, com brincadeiras de corrida.

 

Além disso, a não preocupação para atividades do dia a dia além daquelas vistas em um contexto de educação continuada podem fazer com que essas crianças fiquem cada vez mais dependentes de televisores e aparelhos celulares.

 

Para crianças, em especial as menores, a incidência do uso de aparelhos eletrônicos pode causar problemas de aprendizado, socialização, dentre outras questões, como motoras e até mesmo de fala, visto que que toda atenção acaba ficando presa à tela.

 

Por isso, ainda que dentro de casa, o foco em atividades para crianças deve ser prevalecido, é levado em alta consideração para que todos na casa possam se divertir e ao mesmo tempo contribuírem para um crescimento mútuo.

Atividades criativas que podem ser feitas em casa

A seguir, veja algumas dicas interessantes de atividades para fazer com os pequenos dentro de casa, de modo que possam suprir diferentes necessidades de maneira educativa, lúdica e divertida para todos, utilizando itens comuns, como capa de violão acolchoada:

1. Montando um acampamento

O acampamento certamente é uma das atividades mais divertidas que podem ser feitas dentro de casa, já que esta é, sem dúvidas, uma experiência incrível ao ar livre.

 

Junte alguns lençóis, travesseiros, mesas e cadeiras e monte um local aconchegante, tal como uma cabana, e por lá, não esqueça de alguns livros, brinquedos e comidas. Vai ser divertido parecer que você está em outro lugar!

2. Fazendo um piquenique

Quem disse que piquenique é apenas no parque? É possível fazer um piquenique bem no meio da sala com alguns materiais essenciais, como pano de mesa, para estender no chão ou no tapete, cesto para colocar comidas e pratos, dentre outros.

 

É interessante incentivar a criança a montar a cesta, colocando guardanapo de papel infantil, comidas e outras coisas que ela possa preferir, fazendo um caminho que leva à espera do piquenique, ainda que em um cômodo próximo.

3. Caça ao tesouro

Que tal fazer um jogo de caça ao tesouro com suas crianças? Essa é uma ótima oportunidade para treinar alguns pontos importantes a formação infantil, como:

 

  • Memória;
  • Coordenação motora;
  • Conhecimento de objetivos;
  • Leitura.

 

Organize bem os lugares da casa para guardar os tesouros e faça algumas perguntas sobre assuntos que o pequeno entende, como desenhos ou personagens de livros, além de pensar em um bom brinde para dar a ela quando tudo terminar.

4. Plantar e organizar a horta

Mexer com plantas é sempre uma boa opção, tanto para adultos quanto para crianças. No entanto, em um contexto dos pequenos, essa pode ser uma oportunidade de fazer com que eles tenham maior contato com a natureza e entendam o local onde muitas comidas vieram.

 

Se possível, invista em um banco plástico para jardim para que a brincadeira, ainda que no meio de um apartamento, fique com ares de um jardim. Você pode, por exemplo, montar alguns vasos e ensinar a como irrigar uma horta.

5. Brincando de arrumar a casa

Essa pode parecer mais uma tarefa de casa do que uma brincadeira, mas assim que colocar em prática e levar isso como uma atividade divertida, você verá que as crianças vão entender como um passatempo, e vão entrar na brincadeira, junto com os pais.

 

Por que não colocar em pauta questões como arrumação da casa ou localização de objetos do dia a dia, como impressora de crachá? Além disso, pode ser uma forma interessante dos responsáveis terem uma ajuda a mais na organização do lar.

Considerações finais

Atividades com crianças em meio a pandemia é algo essencial e não deve ser deixado de lado. 

 

Para todos os tipos de rotinas e personalidade, existem opções variadas de diversão, que misturam não apenas o lazer, mas também o aprendizado.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


 

Actualizado el