3 dicas de iluminação para piscina

3 dicas de iluminação para piscina

A iluminação para piscina é um dos principais elementos para manter a área externa segura e com um toque de elegância, uma vez que o elemento é responsável por deixar o ambiente mais agradável aos olhos.

Inclusive, um deck de piscina bem iluminado faz toda a diferença na decoração de um ambiente externo, permitindo muito mais requinte para a casa, além de deixar a área disponível para uso durante todo o dia.

Não importa a utilização, a iluminação da área externa de sua casa deve ser funcional e prática, mantendo em mente sempre o bom gosto.

No caso da piscina, tanto para curtir o ambiente e relaxar quanto para fazer uma reunião com amigos, é fundamental estruturar luzes que tornem o ambiente aconchegante e agradável.

Existe uma série de tipos de iluminação que podem ser usados, claro, dependendo da necessidade dos moradores ou do tipo de sensação que você deseja alcançar com a sua piscina.

Com os avanços tecnológicos atuais, é possível criar verdadeiros shows de luzes com cores e efeitos especiais.

A utilização da piscina em períodos do dia com iluminação natural é muito comum, mas ao anoitecer, esses esquemas de luz podem tornar o local uma obra de arte. Para isso, é preciso levar em conta uma série de fatores.

Elementos fundamentais, como a manutenção de bomba de piscina devem estar sempre no planejamento e organização de manutenção da área, bem como um bom investimento em iluminação e paisagismo.

A primeira etapa, assim como em qualquer estruturação da casa, é realizar um extenso planejamento de como você pretende utilizar o projeto de iluminação.

Procure levar em conta que as luzes da piscina devem privilegiar tanto as pessoas de fora da área quanto as que estão se banhando.

Dentre os estilos disponíveis para a criação, você pode optar pelo jogo de luzes mais íntimo, ou seja, uma iluminação baixa e confortável, trazendo um tom mais sofisticado e alegre. 

Outra opção é a utilização de tons frios para dar um ar de frescor à piscina, principalmente em dias mais quentes. Uma lâmpada de led para piscina pode fazer toda a diferença na estruturação da segunda ideia.

Hoje, existem diversas ferramentas que permitem uma interação maior com a iluminação escolhida, permitindo até mesmo a troca de cores com um controle remoto, assim é possível passar mais sensações, utilizando o mesmo planejamento de luzes.

Você pode pensar em um espetáculo à parte quando utiliza corretamente os focos de iluminação corretos.

Conheça alguns modelos de iluminação para piscinas

Existem diversos modelos na hora de montar a iluminação de sua piscina. Saber quais deles você pretende utilizar e quais as vantagens de cada um é fundamental para fazer a escolha certa e identificar quais elementos você quer ter um contato mais próximo.

Aliados a técnicas de jardinagem e paisagismo, é possível criar uma série de ambientes cinematográficos em sua própria casa. Sendo que os modelos mais conhecidos são:

1.    Refletores fixos

Estes refletores têm uma função muito mais voltada para a segurança. Tratam-se de modelos que ficam fixados em algum lugar próximo a área, com a iluminação direcionada para a piscina.

Fachos de luz branca funcionam para dar muito mais claridade ao ambiente, bem como para permitirem uma melhor identificação de quem está no local.

Inclusive, a utilização de um pendente de luz pode auxiliar a iluminação de áreas fundamentais para a segurança, como as escadas, por exemplo.

Esse tipo de iluminação é ideal para qualquer tipo e tamanho de piscina, e mesmo que haja outro tipo de luz no lugar, é um bom elemento de segurança.

Isso porque muitas vezes uma pessoa pode perder algum objeto pessoal na piscina, ou ainda sofrer um acidente. Neste caso, possuir fachos fortes de luz pode ajudar a resolver a situação de forma rápida e precisa.

2.    Refletores flutuantes

Este novo modelo de iluminação tem feito muito sucesso, principalmente por conta de sua praticidade. Os refletores flutuantes não requerem instalação, e podem ser colocados na piscina sem nenhuma preocupação, sendo utilizados com diversos efeitos de luz.

Além da utilização tradicional, com emissão de luz branca, é possível programar o refletor flutuante para alternar entre as cores, criando efeitos similares aos do arco-íris. 

Alguns itens possuem ainda efeito de strobo e podem ficar ótimos para decorar uma festa na piscina. Dentre as opções de cores, você pode optar por:

  • Branco;
  • Vermelho;
  • Azul;
  • Verde;
  • Roxo.

Esse tipo de refletor é controlado por controle remoto, não havendo necessidade de um interruptor de luz, e tem um consumo muito baixo de energia, podendo durar até 12 horas antes de ser necessário recarregá-lo.

Normalmente, as baterias são inclusas e você pode realizar a recarga ao conectá-las a um cabo de força na tomada. O tempo de recarga de refletores flutuantes costuma ser rápido, então você pode deixá-los sempre preparados em caso de necessidade.

3.    Iluminação subaquática

Uma das principais modernidades no que diz respeito à iluminação é o LED. Este tipo de luz tem feito mudanças em todos os tipos de estruturas, por exemplo, lâmpadas para casa e para aparelhos eletrônicos.

Sua principal qualidade é a economia de energia. Enquanto uma lâmpada dicroica costuma trabalhar com 50 watts de energia, o LED consome apenas 3,5 watts, uma economia bastante expressiva.

Isso permite que você crie um ambiente mais luxuoso, porém sem gastar muito, criando um espaço diferenciado. O LED é ideal para qualquer tipo de piscina, desde as de fibra até as estruturas de alvenaria.

Uma boa ideia de aplicação é a estrutura subaquática utilizando as fitas de LED com silicone. Estas fitas são à prova d’água e podem criar uma série de efeitos para um ambiente diferenciado na piscina.

Você também pode juntar fitas de diferentes colorações para criar um efeito único na água quando acionar a iluminação.

Além dos pontos já citados, um painel led outdoor pode criar um ambiente super diferenciado em sua área de piscina, fornecendo ainda mais iluminação para o espaço.

Como aproveitar melhor sua iluminação?

Para conseguir um resultado adequado na instalação da iluminação de sua piscina, é preciso levar em conta alguns fatores importantes para conseguir uma estrutura perfeita e sem perder sua funcionalidade.

O primeiro ponto a se levar em conta é o posicionamento da iluminação. É preciso identificar quais serão os locais onde as lâmpadas serão instaladas, para conseguir um melhor resultado na iluminação.

Excessos de lâmpadas em locais pouco estratégicos só farão sua conta de luz aumentar. Por isso, estude bem a estrutura e o formato da piscina, assim você alcança seu objetivo com praticidade, conseguindo ainda economizar um pouco.

O formato e a cor da piscina também devem ser levados em conta na hora de criar a estrutura de iluminação. Isso porque muitas vezes, a coloração interna da piscina pode causar um conflito com as cores escolhidas para iluminar o ambiente.

Quanto mais escuras forem as pastilhas da piscina, mais será necessário reforçar a iluminação com pontos de brilho. Portanto, se você estiver na etapa de planejamento, busque um acabamento mais claro.

Parte importante da estrutura é pensar também em pontos de iluminação fora da água. Muitas vezes nos focamos no espaço interno da piscina, mas é necessário identificar os locais onde os spots de luz se fazem necessários.

Isso é importante, principalmente, para a segurança das pessoas que optarem por utilizar a piscina no período noturno, uma vez que a iluminação externa é fundamental para que consigam se localizar ao sair da piscina.

Um bom planejamento de iluminação externa de sua casa possui instalações em portas, corredores e degraus, garantindo assim o máximo de segurança e conforto para todos que utilizarem a piscina, independentemente do horário escolhido.

Uma opção que tem sido bastante pensada ultimamente é a fibra óptica. É uma ideia barata, funcional e que deixa a piscina com um ar de elegância e modernidade, além de também possuir a opção de variar as cores escolhidas e dar versatilidade na decoração.

Um método que muitas pessoas têm optado é o de criar uma linha de fibra óptica por toda a borda da piscina, aumentando a claridade do ambiente e permitindo que todos percebam os limites da área, gerando assim mais segurança.

Considerações finais

Hoje em dia, todos os elementos de luz são testados diversas vezes e comprovados como seguros, eliminando o medo que muitos tinham até pouco tempo de como uma estrutura elétrica se liga em um ambiente de água.

Não é preciso colocar uma régua de tomada para rack próximo da água, por exemplo. Entretanto, de todas as opções, a fibra óptica é a mais segura, uma vez que a energia elétrica não tem nenhum tipo de contato com a água.

Criar uma área externa perfeita pode ser o sonho de muitas pessoas, e a iluminação é um dos principais pontos para que sua piscina seja um espetáculo de luz e água.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Actualizado el